Edifício tem capacidade para acolher 80 doentes em recuperação

Foto: Jornal A Guarda

Guarda, 26 mar 2020 (Ecclesia) – A Diocese da Guarda disponbibilizou, através de protocolo de colaboração, o centro apostólico D. João de Oliveira Matos para acolher infetados do novo coronavírus.

“A diocese disponibilizou, de forma gratuita, o Centro Apostólico, à Câmara Municipal, através de um protocolo de colaboração”, noticiou o jornal diocesano “A Guarda”.

O Centro Apostólico “está preparado para receber doentes em recuperação” com coronavírus e tem capacidade para 80 pessoas, para “alojamento humanitário e social de urgência”.

A gestão do espaço será da responsabilidade da Câmara Municipal da Guarda e, “caso se justifique”, perante o cenário no Hospital da Guarda, que está “activado como unidade de segunda linha para contenção da infecção e tratamento dos infectados pelo COVID – 19”.

Além do edifício o jornal diocesano destaca a disponibilização, “de há vários anos, dos terrenos envolventes para hortas comunitárias”.

“De início a direcção do Centro disponibilizou terrenos a duas famílias e a pessoas necessitadas apoiadas pela Cáritas Diocesana e pela Paróquia da Sé, uma situação que depois foi alargada a outras pessoas”, informa. 

SN

Partilhar:
Share