As Jornadas Nacionais de Comunicação Social, organizadas pela Igreja católica, tem início amanhã, este ano em formato digital. «Mais do que ligados» convoca ao encontro profissionais que querem encontrar neste contexto os caminhos para seguir em frente, informando, juntando, propondo. E esse, diz-nos a investigadora Rita Figueiras é um caminho sem retorno. O digital é um meio para comunicar e tem de ser um caminho efetivo da Igreja, não só em tempo de confinamento. Alerta a professora de comunicação política e media, não basta aparecer.

Partilhar:
Share