Francisco dirigiu uma mensagem à Assembleia Geral da CNBB, num momento em que o país «enfrenta uma das provas mais difíceis de sua história»

Cidade do Vaticano, 15 abr 2021 (Ecclesia) – O Papa Francisco dirigiu hoje uma mensagem aos bispos brasileiros reunidos na 58º Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil pedindo unidade no episcopado para superar a pandemia

“É possível superar a pandemia, é possível superar suas consequências. Mas somente conseguiremos se estivermos unidos! A Conferência Episcopal deve ser una neste momento, pois o povo que sofre é uno”, disse o Papa na mensagem divulgada pela Sala de Imprensa da Santa Sé.

Francisco disse que a missão da Igreja no Brasil é “ser instrumento de reconciliação” e “instrumento de unidade”, “hoje mais do que nunca”, alertanado que para isso “é preciso deixar de lado as divisões, os desentendimentos”.

“Somente assim vocês, como Pastores do Povo de Deus, poderão inspirar os fiéis católicos, mas também os demais cristãos e os homens e mulheres de boa vontade, em todos os níveis da sociedade, inclusive no nível institucional e governamental, poderão inspirar a trabalhar juntos para superar não somente o coronavírus, mas também outro vírus que há muito tempo assola a humanidade: o vírus da indiferença, que nasce do egoísmo e gera injustiça social”, afirmou o Papa.

Francisco desejou que a Assembleia Geral do episcopado “produza frutos de unidade e reconciliação para todo o povo brasileiro e na Conferência Episcopal”, disse que “unidade que não é uniformidade, mas que é harmonia”, desafiando à construção de uma “unidade harmónica”.

O Papa manifestou a sua “proximidade a todas as centenas de milhares de famílias que choram a perda de um ente querido”, lembrando de “modo particular” os bispos que faleceram vítimas da Covid.

“A nossa fé em Cristo Ressuscitado nos mostra que podemos superar esse momento trágico”, disse Francisco.

O Papa dirigiu-se aos bispos brasileiros em “portunhol”, referindo que é um ideoma que brasileiros e argentinos entendem e expressou a sua proximidade “a cada brasileiro e brasileira” num momento em que “enfrenta uma das provas mais difíceis de sua história”.

A 58º Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil decorre entre os dias 12 e 16 de abril, pela primeira vez no online.

PR

 

Partilhar:
Share