Foto: Diocese de Bragança-Miranda

Bragança, 26 jul 2021 (Ecclesia) – O bispo de Bragança-Miranda designou o Secretariado Permanente do Conselho Pastoral Diocesano como a equipa responsável pela consulta sinodal para a assembleia mundial de bispos de 2023, convocada pelo Papa Francisco.

A abertura do percurso do Sínodo de 2023 acontece no Vaticano, sob a presidência do Papa, nos próximos dias 9 e 10 de outubro, e em cada diocese católica, a 17 de outubro, sob a presidência do respetivo bispo.

Estas celebrações dão início à “fase consultiva” da 16ª assembleia geral do Sínodo dos Bispos, a partir de um documento preparatório, um questionário e um vademécum com propostas de consulta em cada diocese.

O Vaticano determina que cada bispo nomeia um responsável ou uma equipa diocesana para a consulta sinodal; cada Conferência Episcopal deve fazer o mesmo.

Além da equipa diocesana da consulta sinodal para a XVI Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, D. José Cordeiro nomeou como diretor do IDEP (Instituto Diocesano de Estudos Pastorais) o padre António Joaquim Rodrigues Magalhães, que tem como diretora-adjunta Maria de Fátima Lourenço Pimparel.

O padre José Manuel Pereira Ribeiro Gomes foi designado como presidente da Comissão Diocesana de Arte Sacra e Bens Culturais.

OC

Partilhar:
Share