Bragança, 19 Out 2021 (Ecclesia) – A Congregação das Servas Franciscanas Reparadoras de Jesus Sacramentado em Bragança comunica o falecimento da irmã Paixão, cujo nome de batismo era Teresa de Jesus Vilares.

“Faleceu aos 89 anos de idade, na manhã do dia 18 de outubro, festa de São Lucas, o Evangelista que dedicou tantas passagens do seu Evangelho, às crianças”, lê-se no comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

A irmã Paixão, na sua forma “bem disposta de ser, no seu humor muito característico, que foi tão ativa na evangelização das crianças”, deixa “uma mensagem de simplicidade e de esperança no Deus que ama os mais pequeninos”.

Esta terça-feira, pelas 14h30 horas, será presidido por D. José Cordeiro, Bispo de Bragança-Miranda, o seu funeral na sua aldeia natal de Castelãos, onde ficará sepultada.

Nasceu na aldeia de Castelãos, Concelho de Macedo de Cavaleiros e foi admitida ao Postulantado das Servas Franciscanas Reparadoras de Jesus Sacramentado a 2 de fevereiro de 1953, fazendo os primeiros votos a 15 de agosto de 1956.

No ano em que professou foi integrada na Comunidade de Santa Clara, em Bragança, em 19 de setembro de 1956, de que foi uma das fundadoras.

Passaria ainda pelas Comunidades de Mirandela, Avantos, antes de integrar, em agosto de 1960, a Comunidade que dava assistência aos operários da Barragem de Miranda do Douro. Aqui a sua missão era fazer catequese às crianças, dar formação no âmbito de lavores e acção sócio-caritativa. Em 1961 continua as mesmas actividades na barragem de Bemposta até julho de 1965.

Ao longo da sua vida esteve em várias comunidades.

LFS

Partilhar:
Share