Lisboa, 05 fev 2015 (Ecclesia) – A Congregação dos Missionários de São Carlos – Scalabrinianos – está a organizar um encontro de formação e reflexão intitulado “A Nova Europa” para leigos comprometidos na mobilidade humana de 13 a 15 de fevereiro 2015, em Clairefontaine (Arlon), Bélgica.

“A União Europeia atravessa uma profunda crise de identidade e de valores, uma importante reestruturação da sua organização interna e um reajustamento económico e estratégico no mundo hodierno”, explica o serviço informativo dos Scalabrinianos sobre a oportunidade e urgência do tema.

Numa nota enviada hoje à Agência ECCLESIA, o serviço assinala que ’A Nova Europa’ é um espaço de “participação e cidadania plenas” onde todos devem encontrar o seu lugar mas, “de modo especial, os migrantes e refugiados”.

O encontro vai reunir 50 participantes em “reflexão, confronto e oração” oriundos da França, Suíça, Luxemburgo e da Bélgica que acolhe a formação em Clairefontaine (Arlon).

Os Missionários Scalabrinianos acrescentam que os formadores também são de países europeus onde estão presentes migrantes portugueses, nomeadamente da França, do Luxemburgo e da Bélgica.

Entre os dias 13 e 15 de fevereiro, os religiosos pretendem também motivar os inscritos para uma “renovada participação cívica, política e religiosa”.

Como o objetivo pretendem ainda ajudar a construir a Europa “da justiça social, dos direitos humanos garantidos, das iguais oportunidades e tratamento, do combate à xenofobia/racismo e do diálogo responsável entre religiões”, revelam.

Os missionários scalabrinianos estão ao serviço dos migrantes no Luxemburgo desde há 20 anos e a diocese local confiou-lhe o serviço pastoral de língua portuguesa e italiana nas regiões de Esch/Alzette, Schieren/Ettelbruck e Luxembourg-Ville.

CB

Partilhar:
Share