Angra do Heroísmo, Açores, 26 jul 2018 (Ecclesia) – O bispo auxiliar de Braga, D. Nuno Almeida, vai presidir à Eucaristia do “dia grande” das festas do Senhor Bom Jesus Milagroso, na ilha do Pico, Açores, que se realizam entre 27 de julho a 7 de agosto.

A Diocese de Angra informa que o “dia grande da festa” é a 6 de agosto e a Eucaristia, presidida por D. Nuno Almeida, começa às 16h00, seguindo-se “o desfile de filarmónicas e a solene procissão”.

A passagem dos Atos dos Apóstolos ‘há mais alegria em dar do que em receber’ é o lema das festas do Senhor Bom Jesus Milagroso que começam esta sexta-feira com uma novena que vai ter como pregador o cónego Ricardo Henriques, vice-reitor do Seminário Episcopal de Angra.

Durante este período, o Santuário do Senhor Bom Jesus Milagrosos estará aberto 24 horas por dia, até 3 de agosto, e no dia seguinte é celebrada a Eucaristia de encerramento do novenário.

O início oficial da festa é marcado também pela procissão da imagem do Senhor Bom Jesus Milagroso pelo exterior da igreja para o trono do santuário e depois a Eucaristia é presidida pelo vigário episcopal do Ocidente, o padre João Bettencourt das Neves.

As festas do Senhor Bom Jesus na ilha do Pico terminam com a Eucaristia e regresso da veneranda imagem para a sua capela, às 19h30, dia 7 de agosto.

A diocese contextualiza que as festas se realizam desde 1862 quando o emigrante Francisco Ferreira Goulart trouxe do Brasil uma imagem do Senhor Bom Jesus, “cópia fiel” das que se veneram, mas a devoção no arquipélago era ao Senhor Crucificado.

O tema das festas do Senhor Bom Jesus Milagroso é o mesmo que deu mote às festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres, em Ponta Delgada, e o sítio online ‘Igreja Açores’ explica que a escolha conjunta pretende ser a primeira de “muitas iniciativas” de uma estratégia mais diocesana para a rede de santuários no Arquipélago dos Açores.

CB

Partilhar:
Share