Acampamento Nacional reúne mais de 18 mil participantes

Foto: CNE/ACANAC 2022

Idanha-a-Nova, 02 ago 2022 (Ecclesia) – O Papa enviou uma mensagem aos mais de 18 mil escuteiros reunidos em Idanha-a-Nova, até 7 de agosto, para o seu Acampamento Nacional (ACANAC) 2022, com o tema ‘Construtores do Amanhã’, destacando a “força poderosa” do movimento católico.

“A Igreja conta com a grande família escutista do Corpo Nacional de Escutas”, refere a saudação, lida na cerimónia de abertura do evento, esta segunda-feira, pelo assistente nacional do CNE, padre Luís Marinho.

O texto fala do Escutismo Católico como “uma força poderosa” que ajuda a “inculcar os valores verdadeiros e duradouros na juventude, para uma terra onde estejam firmemente alicerçadas a justiça e a paz”.

A mensagem de saudação aponta ainda às celebrações do Centenário do Corpo Nacional de Escutas (CNE), iniciadas em maio, destacando o trabalho do movimento para “servir os jovens, assegurando-se de que a prática do Escutismo contribua para a sua educação na fé e para os preparar para darem testemunho de Cristo no mundo”.

“O CNE opera dentro do movimento mundial e na fidelidade aos ideais e aos métodos em que se inspirou o fundador, Baden-Powell, tendo escrito no seu testamento que ‘o verdadeiro modo de sermos felizes é procurar a felicidade para os outros’”, acrescenta o Papa.

Francisco evoca a imagem da fogueira, nos acampamentos, em vota da qual se forma o “círculo fraterno”, símbolo de “unidade, solidariedade e fidelidade na amizade”.

“Quanto mais os escuteiros estiverem conscientes dos nobres ideais do seu Movimento e unidos na amizade, tanto mais darão o seu contributo para criar uma nova civilização da solidariedade, do serviço e do amor”, refere a mensagem, enviada pelo Papa através do arcebispo Edgar Peña Parra, substituto da Secretaria de Estado do Vaticano.

O texto dá “graças ao Senhor pelo percurso do CNE trilhou nestes primeiros anos de existência” e conclui-se com a bênção apostólica para todos os presentes.

Foto: Lusa

O ACANAC 2022 congrega cerca de 18 500 escuteiros de todas as regiões escutistas de Portugal e reúne também 650 escuteiros vindos de 24 países diferentes, no CNAE – Campo Nacional de Atividade Escutista.

As secções em campo vão poder contar com uma APP que permite aceder ao programa, mapa e imaginário à distância de um clique.

Pela primeira vez, existem visitas guiadas a campo durante cerca de 1hora e 30 minutos, nomeadamente pais de escuteiros, ex-escuteiros, ONG e escuteiros que não se tenham inscrito.

OC

Partilhar:
Share