Braga, 29 jan 2021 (Ecclesia) – O cónego José Marques faleceu hoje aos 83 anos de idade, informou a Arquidiocese de Braga.

O falecido sacerdote era natural de Rouças, Melgaço, e foi ordenado na Catedral de Braga a 15 de agosto de 1961.

“A partir de outubro desse ano e até setembro de 1970 serviu como prefeito no Seminário Conciliar de S. Pedro e S. Paulo. Foi nomeado cónego em 1987, sendo entre outubro de 1990 e janeiro de 2000 mestre-escola do Cabido Metropolitano e Primacial Bracarense”, indica uma nota divulgada pela Arquidiocese minhota.

“O Cónego José Marques tem uma importante obra de investigação a respeito da história religiosa de Portugal, mais especificamente do Norte do país durante a Idade Média”, acrescenta o texto.

O sacerdote vai ser sepultado no cemitério de Braga e cerimónia exequial será de “caráter reservado à família e ao Cabido”.

“A Arquidiocese de Braga, a família e as comunidades às quais serviu unem-se agora em oração e agradecem a Deus pelo seu ministério sacerdotal e pelo dom da sua vida”, conclui a nota que anunciou o falecimento.

Esta é a terceira morte de sacerdotes registada pela Arquidiocese de Braga nos últimos quatro dias.

OC

Partilhar:
Share