Conselho Diocesano da Pastoral Juvenil e XXI Viana Jovem marcaram jornada de festa e reflexão

Foto: Diocese de Viana do Castelo

Viana do Castelo, 24 jul 2021 (Ecclesia) – A Diocese de Viana do Castelo promoveu hoje uma jornada dedicada às novas gerações, que incluiu um Conselho Diocesano da Pastoral Juvenil e a celebração do XXI Viana Jovem.

Em comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a diocese do Alto Minho sublinha que “o apelo mais ouvido ao longo da manhã, durante o Conselho Diocesano da Pastoral Juvenil, foi o da necessidade de cooperação e interajuda para a realização da Jornada Mundial da Juventude” (JMJ), que vai decorrer em Lisboa, no verão de 2023.

Monsenhor Sebastião Pires, administrador diocesano, realçou que “é imperiosa a presença dos jovens nas comunidades paroquiais, para chegar a todos”.

Já o diretor do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil, padre Filipe Diniz, apontou a importância de “abraçar os desafios diocesanos” de preparação já lançados e reforçou a interpelação à motivação, “não só para os dias que decorreram em Lisboa”, mas, igualmente, para os dias que os vários participantes de todo o mundo vão viver nas dioceses portuguesas.

“É essencial estarmos de coração aberto para receber aqueles de quem não conhecemos ainda os rostos”, acrescentou.

D. Américo Aguiar, bispo auxiliar de Lisboa e presidente da Fundação JMJ Lisboa 2023, advertiu que “não é possível continuar a fazer o mesmo, a fazer igual ao que há décadas se fazia”, como ficou claro durante a pandemia.

Foto: Diocese de Viana do Castelo

Segundo o responsável, é necessário tentar que a JMJ 2023 seja mais do que acontecimento de “seis dias”, abrindo novos horizontes e mostrando aos jovens que, na Igreja, há “alguém que tem uma palavra para dizer, que os quer ouvir, que os leva a sério”.

Durante a tarde, o XXI Viana Jovem, com o tema ‘Levanta-te e vamos’, começou com o Festival Diocesano da Canção, onde a Banda da Paróquia estreou o Hino da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023.

Um pequeno momento de animação musical, junto da Casa Sacerdotal de Viana do Castelo, assinalou o I Dia Mundial dos Avós e Idosos, convocado pelo Papa Francisco.

OC

Partilhar:
Share