Exercícios espirituais decorrem até 15 de março

Cidade do Vaticano, 10 mar 2019 (Ecclesia) – O Papa pediu hoje no Vaticano as orações dos católicos por si e os seus colaboradores mais próximos, que esta tarde começam o retiro da Quaresma.

“Desejo a todos que o caminho quaresmal, iniciado há pouco, seja rico de frutos e peço-vos uma lembrança, na oração, por mim e pelos meus colaboradores, que esta tarde vamos começar a semana de exercícios espirituais”, declarou, no final do encontro de oração na Praça de São Pedro, para a recitação do ângelus.

O retiro anual, que decorre até 15 de março, é orientado pelo abade de São Miniato no Monte de Florença (Itália), D. Bernardo Francesco Maria Gianni; em 2018, os exercícios espirituais tiveram como pregador o agora bibliotecário e arquivista da Santa Sé, D. José Tolentino Mendonça.

À imagem do que aconteceu nos últimos anos, o Papa e os responsáveis da Cúria Romana deslocam-se de autocarro à Casa Divino Mestre, de Ariccia, nos arredores de Roma, onde vão ouvir uma série de reflexões sobre o tema ‘A cidade dos desejos ardentes. Para olhares e gestos pascais na vida do mundo’, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Os temas das dez meditações são os seguintes: “Estamos aqui para isto” (introdução dominical); “O sonho de La Pira” e “Estamos aqui para reacender as brasas com o nosso hálito” (segunda-feira);  “O presente de infâmia, de sangue, de indiferença” e “Recordai?” (terça-feira); “Os desejos ardentes” e “Suas Bandeiras de paz e de amizade” (quarta-feira); “Apertemo-nos as mãos” e “A noite estrelou forte” (quinta-feira); “A cidade colocada no monte” (conclusão, sexta-feira).

Os exercícios começam hoje pelas 16h00 (menos uma em Lisboa); de segunda a quinta-feira haverá duas meditações por dia, às 10h00 e às 16h30.

O abade Bernardo Francesco nasceu em 1968 em Prato (região italiana da Toscana); é prior de São Miniato desde 2009 e abade desde 2015.

Durante os cinco dias de exercícios espirituais são suspensas todas as audiências pontifícias, inclusive a audiência geral de quarta-feira, 13 de março, dia em que Francisco completa seis anos de eleição pontifícia.

OC

Partilhar:
Share