Cidade do Vaticano, 05 mai 2022 (Ecclesia) – O Papa nomeou uma comissão, com seis elementos, para rever o regulamento geral da Cúria Romana, à luz da sua nova constituição, ‘Praedicate Evangelium’, que entra em vigor a 5 de junho, informou hoje o Vaticano.

As seis pessoas designadas por Francisco na comissão interdicasterial são D. Filippo Iannone, presidente do ConselhPontifício o para os Textos Legislativos; D. Edgar Peña Parra, substituto da Secretaria de Estado do Vaticano; o presidente da APSA, D. Nunzio Galantino; D. Marco Mellino, secretário do Conselho de Cardeais; o padre Juan Antonio Guerrero Alves, prefeito da Secretaria da Economia; e Vincenzo Buonomo, reitor da Universidade Pontifícia Lateranense.

O objetivo do novo Regulamento, refere a nota que anuncia a criação da Comissão, é “tornar mais sustentáveis e eficientes as relações de trabalho na Cúria Romana e a sua gestão”.

A nova comissão “vai contar com a colaboração de especialistas e funcionários da Cúria Romana, que tenham competência e experiência”.

Ainda hoje, o Papa institui a ‘Domus Vaticanae’, que reúne quatro fundações atualmente existentes.

A nova instituição, ligada à Santa Sé, incorpora as fundações “Domus Sanctae Marthae”, “Domus Romana Sacerdotalis”, “Domus Internationalis Paulus VI” e “Casa San Benedetto” destinadas à hospitalidade.

OC

Especial: Papa aprova nova Constituição para a Cúria Romana, mais virada para fora e menos centrada na gestão interna

 

Partilhar:
Share