A deslocação à «Villaggio Emanuele» insere-se nas sextas-feiras de Misericórdia

Cidade do Vaticano, 12 abr 2019 (Ecclesia) – O Papa Francisco visitou esta sexta-feira a «Villaggio Emanuele», uma estrutura que acolhe pessoas com a doença de Alzheimer.

A visita, inserida nas sextas-feiras da Misericórdia, aconteceu a uma “cidade” na periferia de Roma que “abriga 100 habitantes em 14 casinhas coloridas” e foi marcada pela surpresa.

Segundo o portal de notícias do Vaticano, à chegada do Papa, “incrédulos, os pacientes aproximaram-se de Francisco para o cumprimentar e receberam uma palavra de conforto”.

“Alguns internos, que descansavam nos seus quartos, trocaram algumas frases com Francisco”, explica a notícia.

No final da visita, o Papa deixou como presente “um pergaminho com um pensamento escrito à mão” e ainda um quadro da Natividade.

“A «Villaggio Emanuele» foi criada pelo advogado Emmanuele Francesco Maria Emanuele, que se inspirou num centro holandês perto de Amsterdão para oferecer aos doentes com Alzheimer assistência e hospitalidade num contexto familiar”.

LS

Partilhar:
Share