O bispo António Barroso, o frei Bernardo Vasconcelos e a beata Alexandrina de Balasar vão ser alguns dos nomes em destaque

Braga, 17 fev 2014 (Ecclesia) – A 22.ª Semana de Estudos Teológicos, organizada pelo Núcleo de Braga da Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa (UCP) vai começar hoje, subordinada ao tema “Ser Santo Hoje: Figuras Inspiradoras”.

De acordo com o programa do evento, enviado à Agência ECCLESIA, o primeiro dia de trabalhos, no Auditório Vita, vai ser preenchido com uma conferência intitulada “Modos cristãos de viver”, proferida pela teóloga italiana Stella Morra, às 21h30.

Na terça-feira vai ter lugar uma reflexão à volta da vida e obra de “D. António Barroso”, a cargo do padre jesuíta António Júlio Trigueiros.

D. António José Sousa Barroso (1854-1917) destacou-se como missionário e como bispo, ficando célebre pela forma como lutou contra a perseguição feita à Igreja Católica por Afonso Costa, na sequência da implantação da República Portuguesa.

O processo de beatificação e canonização de D. António José Sousa Barroso foi aberto pelo Vaticano em 1992 e está ainda a decorrer.

No dia seguinte, os trabalhos da Semana de Estudos Teológicos vão dar a conhecer o frei Bernardo Vasconcelos (1902-1932), considerado um dos maiores poetas místicos nacionais, pela voz do monge beneditino André Olim.

Até sábado, o evento promovido pelo Núcleo de Braga da Faculdade de Teologia da UCP vai ainda dar relevo a outras “figuras inspiradoras” da sociedade portuguesa, como o padre Abílio Correia e a Beata Alexandrina de Balasar,

No último dia da Semana de Estudos, ao contrário das etapas anteriores, os trabalhos não começarão às 21h30 mas às 09h30.

Esse sábado terá como tema principal as “Referências Contemporâneas na Construção da Identidade”, e será dividido em dois painéis: “Dinamismos psicossociais de identificação”, com a psicóloga Ana Caetano, e “Mediações cristãs de identificação”, com Carlos Carneiro.

JCP

Partilhar:
Share