«#TheChurchIsOurHome» dá o mote a campanha nas redes sociais

Cidade do Vaticano, 29 nov 2022 (Ecclesia) – O Vaticano vai lançar a 6 de dezembro uma série de quatro vídeos, para valorizar o contributo de pessoas com deficiência no processo sinodal 2021-2024, lançado pelo Papa Francisco.

O anúncio foi feito, em comunicado conjunto, pelo Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida e a Secretaria-Geral do Sínodo.

As duas entidades do Vaticano envolveram algumas dezenas de pessoas com deficiência dos cinco continentes numa “sessão especial de escuta”.

Com base nas perguntas do Sínodo “O que é que o Espírito pede à Igreja? Que caminhos se abrem para a Igreja e para os fiéis com deficiências”, os participantes elaboraram uma síntese que foi entregue à Secretaria-Geral do Sínodo e ao Papa Francisco.

“Para contar a sessão de escuta e o encontro com o Papa, o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida apresenta quatro vídeos, nos quais alguns dos participantes oferecem os seus rostos e vozes e, sobretudo, a sua contribuição peculiar para a reflexão do Sínodo”, indica o comunicado, enviado hoje à Agência ECCLESIA.

O cardeal Kevin Farrell, prefeito deste dicastério, declarou que “a Igreja para ser verdadeiramente sinodal deve ouvir a voz de todos, não excluindo ninguém”.

Agradeço à Secretaria-Geral do Sínodo que, desde o início, apoiou a nossa iniciativa: graças a esta colaboração, a contribuição dos fiéis com deficiência pode chegar aos padres sinodais”.

Foto: Vatican Media

O cardeal Mario Grech, secretário-geral do Sínodo, sublinha, por sua vez, que “a conversão sinodal da Igreja envolve também a conversão da Cúria Romana numa chave sinodal”.

“A experiência com o Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida é um feliz testemunho disso e abre novos horizontes e espaços de colaboração para mostrar que a Igreja é verdadeiramente um lar para todos”, acrescenta.

A campanha é acompanhada pelo marcador #TheChurchIsOurHome (A Igreja é a nossa casa), nos canais sociais e Youtube do Vatican News, do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida e da Secretaria-Geral do Sínodo.

O primeiro vídeo será divulgado a 6 de dezembro, “por ocasião de uma reunião dos responsáveis pela pastoral das pessoas com deficiência de algumas conferências episcopais”.

Os filmes foram realizados pela Poti Pictures, divisão cinematográfica da Coop Soc Il Cenacolo, primeira produtora de filmes sociais do mundo a fazer anúncios publicitários, curtas e longas-metragens com atores com deficiências intelectuais.

OC

Sínodo 2021-2024: Texto orientador para segunda etapa apela a «opção pelos jovens, as pessoas com deficiência e a defesa da vida»

Partilhar:
Share