Depois da celebração do Domingo de Ramos, os cristãos entram na chamada Semana maior, assim se designa a chamada Semana Santa, os sete dias em que os cristãos são convidados a aproximarem-se dos gestos de Jesus. Tradicionalmente estes são dias de silêncio, de maior recolhimento, e de oração, atitudes que se adequam ao sofrimento antecipatório de Jesus, mas poderá este tempo ser marcado por uma atitude de alegria? Que atitudes se devem cultivar para, a partir do sofrimento que marca naturalmente a vida humana, entender os dias como um processo em que somos chamados à alegria? Vamos junto do padre jesuíta Vasco Pinto Magalhães analisar essa resposta, procurando entender a vida como um caminho marcado pelo projeto, pela missão, pelo sentir-se amado.

Partilhar:
Share