A Cáritas diocesana de Setúbal abre-nos a porta para dar a conhecer o muito trabalho que têm tido quando muitos outros deixam de ter emprego. A pandemia do Covi-19 e o consequente encerramento de muitos espaços de trabalho desencadeou situações de grande dificuldade para muitos agregados familiares. António Sousa, presidente da instituição, dá-nos conta de números que contam histórias pessoais.

Partilhar:
Share