Receitas vão ajudar vítimas da crise provocada pela pandemia

Foto: João Lopes Cardoso/Diocese do Porto

Porto, 03 Jun 2020 (ECCLESIA) – As comunidades Católica e Judaica da cidade do Porto lançaram, nesta terça-feira, o filme ‘A Luz de Judá’, cujas receitas revertem na totalidade para “apoiar instituições no combate à pobreza criada pela atual pandemia.

O lançamento do filme decorreu no Paço Episcopal do Porto.

As verbas angariadas vão ajudar o Banco Alimentar contra a Fome, o Centro Social da Sé, o Centro Social e Paroquial de Nossa Senhora da Conceição e a Benéfica Associação Mutualista, refere o jornal diocesano «Voz Portucalense»

O filme ‘A Luz de Judá’ é baseado em factos reais, que cobre séculos da história dos judeus em Portugal, e na cidade do Porto em particular, desde a Idade Média até aos dias atuais. 

O filme, com legendas em português, está disponível em Video On Demand na plataforma Vimeo e o argumento é do Centro de Investigação da História Judaica do Porto, com realização de Luís Ismael.

O projeto é realizado no âmbito de um protocolo de colaboração assinado por D. Manuel Linda, bispo do Porto; Dias Ben Zion, presidente da Comunidade Judaica do Porto; e Charles O. Kaufman, presidente da B’nai B’rith Internacional.

‘A Luz de Judá’ foi produzido com o apoio de filantropos judeus, como parte de um “projeto inter-religioso e de luta contra o antissemitismo” que une a Comunidade Israelita e a Diocese do Porto. 

A iniciativa surge na sequência de um projeto conjunto entre as duas instituições, apresentado ao público em dezembro, que engloba a promoção das visitas turísticas no Paço Episcopal e no Museu Judaico do Porto e a realização de quatro filmes que narram acontecimentos reais ocorridos na sociedade portuguesa, ao longo de séculos.

LFS

Partilhar:
Share