Bento XVI envia saudações natalícias aos cristãos do Oriente que celebram esta festa a 7 de Janeiro

Cidade do Vaticano, 06 Jan (Ecclesia) – Bento XVI endereçou hoje, desde o Vaticano, as suas sudações natalícias aos cristãos orientais que vão celebrar o nascimento de Jesus Cristo na Sexta-feira, dia 7, recordando as comunidades que estão ameaçadas.

“A bondade de Deus, aparecida em Jesus Cristo, Verbo incarnado, reforce em todos a fé, a esperança e a caridade, e dê conforto às comunidades que são colocadas à prova”, disse, após a recitação do Angelus, na Praça de São Pedro.

A intervenção do Papa acontece num momento de particular tensão para os cristãos coptas, no Egipto, que celebram o Natal precisamente por estes dias, após o atentado de 1 de Janeiro que vitimou 23 pessoas à saída de uma igreja na cidade de Alexandria, 200 quilómetros a norte do Cairo.

A celebração do Natal para esta comunidade cristã, radicada no Egipto e um pouco por todo o mundo, pode estar em risco, se as condições de segurança não estiverem garantidas.

“Envio de todo o coração a minha saudações e mais calorosas felicitações aos irmãos e irmãs das Igrejas Orientais que amanhã vão celebrar o Santo Natal”, disse o Papa.

A Natividade é celebrada por várias comunidades cristãs a 7 de Janeiro, por causa da diferença do seu calendário, o juliano, anterior em relação ao calendário gregoriano, que rege a maior parte do mundo.

Por causa dessa celebração, um forte esquema de segurança foi montado no Egipto para proteger a comunidade cristã copta.

Segundo a AFP, cerca de 70 mil agentes de segurança serão mobilizados, apoiados por veículos blindados e esquadrões antibomba.

OC

Partilhar:
Share