«Salus Populi Romani» é símbolo de proteção e especialmente venerada pelos romanos

Cidade do Vaticano, 27 jan 2018 (Ecclesia) – O Papa Francisco vai presidir este domingo, às 9h, a uma missa na Basílica Papal de Santa Maria Maior, por ocasião da festa da trasladação do ícone de Nossa Senhora, Salus Populi Romani, após trabalho de restauro.

Francisco mostra uma especial devoção por esta imagem, uma vez que após a sua eleição papal e antes e depois de qualquer viagem apostólica que realize, ali se desloca para rezar e depositar flores junto ao altar.

De acordo com a Vatican News, a Salus Populi Romani é um dos “mais famosos e venerados ícones marianos”, “particularmente venerada pelos romanos” que “invocam a  sua proteção para a vida quotidiana”.

“O nome Salus Populi Romani deriva da tradição de levá-la em procissão pelas ruas de Roma para afastar perigos e desgraças”, explica ainda o portal de notícias do Vaticano.

A celebração litúrgica, que no último domingo de janeiro, coincide com a exposição do ícone que foi restaurado com vista a “resgatar a beleza original e a realidade histórica da obra, ofuscada ao longo dos séculos por uma sobreposição de camadas de tintas e pela própria ação do tempo”.

LS

 

Partilhar:
Share