Pároco de Pombal preparou esta quinta-feira um «programa de festas online» que termina com um serão especial

Coimbra, 26 mar 2020 (Ecclesia) – O padre João Paulo Vaz, da Diocese de Coimbra, celebra hoje 25 anos de sacerdócio e, atendendo ao isolamento social, organizou um “programa de festas online”.

“Tinhamos preparado uma celebração e um convívio e caiu tudo por terra. Mas isso não é sinal de não fazer nada: Decidi de forma simples, estruturei um programa especial dos 25 anos”, explica o sacerdote à Agência ECCLESIA.

Diariamente o sacerdote tem transmitido a eucaristia online e esta quinta-feira vai alargar a emissão.

“Às 19h30 há a eucaristia em direto e depois, no serão, pelas 21h00, um especial interativo a convidar e reunir todos os amigos dos locais, paróquias e movimentos, por onde passei; pelas 22h00 vou participar num programa de dois amigos que estão a fazer diretos e às 23h00 terei um mini concerto”, conta o sacerdote.

O padre João Paulo Vaz referiu ainda que este concerto online vão ter a particularidade de “aceitar pedidos de música de quem estiver a participar no direto”.

O sacerdote sempre usou a música nestes 25 anos como “meio de evangelização e promoção das pessoas” e nesta fase de pandemia sente que é necessário “alimentar a esperança e partilhar ânimo”.

“Porque a música cria serenidade e confirmação interiores grandes, neste tempo, sim deve ser uma ferramenta a usar, porque para alem de entreter as pessoas é muito mais esta partilha solidária do melhor que temos e oferecemos aos outros”, refere.

O pároco de Pombal espera que este tempo sirva para “renovação de vidas”, nesta partilha dos dons, numa “fase dramática e fora do controlo”.

“Esta renovação nas nossas vidas pode ser boa para partilhar o que somos, os nossos dons, e isso é muito bom; se este tempo não servir para olhar mais para dentro e da forma como estamos a viver, se não servir para nos aproximar e criar comunhão, para que serve”, questiona.

O sacerdote aponta ainda que este tempo, em que as famílias estão mais tempo juntas, possa servir para “dar mais qualidade à relação”, quer familiar, quer conjugal.

“Espero que as relações de famílias e as relações amorosas sejam renovadas e venham a ganhar muito com isto, eu tenho rezado por isso e vou continuar”, revela.

Neste dia em que celebra 25 anos de sacerdócio o padre João Paulo Vaz promete continuar mais 25 anos com a “guitarra por perto”, numa vida de “oração intensa”.

“Por um lado desejo ter a capacidade de manter uma vida de oração intensa, profunda e muito regular, desejo também a capacidade de escolher sempre a Palavra de Deus em primeiro lugar na minha vida e partir dela para ação e me faça comprometido desejando dar a vida”, concluiu.

PR/SN

Partilhar:
Share