Obra Católica Portuguesa de Migrações online

http://www.ecclesia.pt/ocpm/

No passado domingo a Igreja Católica celebrou o 104.º dia mundial do Migrante e Refugiado. Decorreu também entre 12 e 14 de janeiro o encontro de agentes sócio pastorais das Migrações no Seminário de Alfragide, Lisboa. Assim, esta semana o meu olhar para a grande rede mundial recai sobre o sítio da Obra Católica Portuguesa de Migrações (OCPM).

Ao digitarmos o endereço www.ecclesia.pt/ocpm/  entramos num espaço eminentemente informativo, onde graficamente abundam referências aos povos refugiados.

Na página inicial temos as últimas atualizações e onde naturalmente a mensagem que o Papa Francisco escreveu para este dia intitulada “Acolher, proteger, promover e integrar os migrantes e os refugiados”, está em evidência. Destacamos ainda as ligações para outros espaços virtuais inteiramente relacionados com esta temática. Nomeadamente a ligação para o boletim trimestral, de distribuição gratuita, que se intitula “pontes”. E ainda para o sítio da obra nacional da pastoral dos ciganos, outro grande espaço que merece também uma visita atenta.

Na opção “quem somos”, ficamos a conhecer quais as formas de contactar a OCPM, quem são os membros que a compõem, qual o seu âmbito de ação, quais os principais objetivos e ainda formas de comunicar os secretariados diocesanos das migrações.

Em “notícias” dispomos de todos os artigos que de alguma forma se relacionam com esta realidade onde, por exemplo, podemos ler que “mais de um terço (num total de 12,3 milhões de pessoas) de todos os não nacionais que viviam na UE-27 eram cidadãos de outro Estado-Membro da EU”.

Caso pretenda saber quais os próximos eventos no âmbito desta obra católica, basta que aceda à opção “agenda”.

Um espaço interessante encontra-se em “documentos”. Aí encontramos um conjunto de textos (artigos, conclusões de congressos, comunicados, mensagens) que são acima de tudo uma forma de nos mostrarem e alertarem para a realidade migratória.

No item “recortes”, podemos consultar todas as notícias que foram publicadas nos mais diversos meios de comunicação nacionais e internacionais, tendo sempre como pano de fundo a migração.
Um dos grandes objetivos ao lançar o desafio de visita ao sítio da OCPM prende-se com a necessidade cada vez mais premente de que sintamos que, conforme refere o Papa Francisco na sua mensagem, “cada forasteiro que bate à nossa porta é ocasião de encontro com Jesus Cristo, que Se identifica com o forasteiro acolhido ou rejeitado de cada época”.

Fernando Cassola Marques

Partilhar:
Share