«Construção da JMJ só é possível com a colaboração de todos», refere secretário-executivo do evento

Lisboa, 14 mai 2021 (Ecclesia) – A Fundação Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Lisboa 2023 e a SIBS estabeleceram uma parceria que passa pela integração da JMJ no serviço ‘Ser Solidário’, através das caixas multibanco e MBWay.

“A construção da JMJ só é possível com a colaboração de todos, pelo que nos congratulamos de forma particular com a parceria com a SIBS”, disse secretário-executivo da JMJ 2023, num comunicado envido hoje à Agência ECCLESIA.

Duarte Ricciardi acrescenta que a criação de parcerias é “um elemento fundamental” para o impacto deste “grande encontro internacional de jovens, que é absolutamente único e marcante”.

A partir de agora, “todos os particulares e empresas” podem “contribuir para a organização da Jornada Mundial da Juventude”, cuja próxima edição internacional vai decorrer em Lisboa, no verão de 2023.

“É um orgulho para a SIBS fazer parte deste encontro mundial que irá ocorrer em Lisboa, disponibilizando desde já uma forma de angariação de fundos simples e rápida para a organização e quem pretender fazer o seu donativo”, afirmou Joaquim Correia, diretor de Marca e Comunicação da SIBS.

A Fundação Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023 junta-se assim a outras Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), Fundações e Organizações não-governamentais que usufruem do serviço gerido pela SIBS para angariar donativos.

As JMJ nasceram por iniciativa do Papa João Paulo II, após o sucesso do encontro promovido em 1985, em Roma, no Ano Internacional da Juventude.

As edições internacionais destas jornadas promovidas pela Igreja Católica são um acontecimento religioso e cultural que reúne centenas de milhares de jovens de todo o mundo, durante cerca de uma semana.

A primeira edição aconteceu em 1986, em Roma, e desde então a JMJ já passou pelas seguintes cidades: Buenos Aires (1987), Santiago de Compostela (1989), Czestochowa (1991), Denver (1993), Manila (1995), Paris (1997), Roma (2000), Toronto (2002), Colónia (2005), Sidney (2008), Madrid (2011), Rio de Janeiro (2013), Cracóvia (2016) e Panamá (2019).

CB/OC

Partilhar:
Share