Comité Organizador Diocesano aponta a caminho pastoral, em cada uma das paróquias e arciprestados

Aveiro, 13 dez 2022 (Ecclesia) – O Comité Organizador Diocesano (COD) de Aveiro para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Lisboa 2023 abriu as inscrições para este “grande encontro mundial”, procurando chegar aos 70 mil participantes locais.

Num comunicado enviado hoje à Agência ECCLESIA, o coordenador do COD de Aveiro afirma que “é com grande entusiasmo” que abriram o período de inscrições “para o maior evento de juventude do mundo”.

A próxima edição internacional da Jornada Mundial da Juventude vai realizar-se em Lisboa, de 1 a 6 de agosto de 2023, reunindo jovens de todo o mundo, com o Papa, numa iniciativa da Igreja Católica.

“Um momento único e, quiçá, irrepetível em Portugal”, destaca Pedro Carvalho, adiantando que o grande objetivo da Diocese de Aveiro é que “todos os jovens, praticantes ou não praticantes, saibam deste evento e que possam decidir se querem ou não ir”.

O Comité Organizador Diocesano de Aveiro informa que a inscrição vai dar acesso “a todos os eventos da JMJ Lisboa” e garante a cada peregrino inscrito “o seguro, gratuitidade dos transportes públicos durante o período da Jornada e ainda o kit de peregrino”.

Neste sentido, indica que a inscrição do peregrino na JMJ Lisboa para os jovens da Diocese de Aveiro, vai ter o “valor máximo de 285€, com acréscimo de cinco euros se não cumprir o prazo de cada prestação”, que são três – de janeiro a abril de 2023, e inclui o ‘Pacote A1 JMJ’, a participação na semana do encontro, o Kit peregrino diocesano, o seguro da deslocação, e o transporte para a capital portuguesa e o regresso.

O objetivo final do COD de Aveiro é inscrever “70 mil jovens inscritos da diocese”, as inscrições vão terminar no dia 23 de abril e devem ser realizadas junto do Comité Organizador Paroquial (COP) ou na Paróquia “mais próxima”.

Pedro Carvalho destaca que este processo de inscrições envolve “um caminho pastoral, em cada uma das paróquias e arciprestados”, que servirá também “para angariação de fundos, com o propósito de reduzir o preço de inscrição de cada jovem”.

O COD de Aveiro convocou também os coordenadores dos COP’s e dos COA’s (Comités Organizadores Arciprestais) para uma reunião onde vai apresentar a plataforma que “permitirá o registo de todos os jovens que pretendem participar nesta grande jornada”, no dia 21 de dezembro, pelas 21h00, na sua sede.

Pedro Carvalho lembrou ainda que o bispo de Aveiro, D. António Moiteiro, está “na linha da frente desta caminhada com os jovens”, e já se inscreveu na JMJ 2023.

CB/OC

Partilhar:
Share