Audiência está prevista para o dia 8 de janeiro de 2021

Fátima, 09 dez 2020 (Ecclesia) – O secretário e porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa informou hoje que a presidência da CEP vai ser recebida em audiência pelo Papa Francisco no dia 8 de janeiro de 2021.

Em declarações aos jornalistas após a reunião do Conselho Permanente do episcopado, o padre Manuel Barbosa disse que o encontro com o Papa, para além de apresentação de cumprimentos, tem por objetivo “abordar alguns assuntos da Igreja em Portugal”, pedindo “orientações do Papa” para a Igreja, nas várias dioceses.

O secretário e porta-voz da CEP acrescentou que “é normal”  que a situação de pandemia seja também referida, assim como a organização da próxima Jornada Mundial da Juventude, em Lisboa, em 2023.

A delegação que vai ser recebida pelo Papa Francisco é constituída pelo presidente e vice-presidente da Conferência Episcopal, D. José Ornelas e D. Virgílio Antunes, respetivamente, e pelo secretário e porta-voz, padre Manuel Barbosa.

A atual presidência da CEP foi eleita no dia 16 de junho último para o triénio 2020-2023, durante a 198ª Assembleia Plenária do episcopado português.

Na conferência de imprensa, o padre Manuel Barbosa disse também que vão ser publicadas as “Diretrizes sobre a proteção de menores e pessoas vulneráveis”, através de um decreto divulgado na “Revista Lumen”, órgão oficial da Conferência Episcopal Portuguesa.

“São diretrizes da Conferência Episcopal atendendo ao cuidado, à atenção que devemos ter pelas vítimas, à prevenção e à formação, à transparência e ao rigor com que é preciso abordar estas questões e salientar a importância das comissões diocesanas de proteção de menores e pessoas vulneráveis”, esclareceu o padre Manuel Barbosa.

O secretário da CEP informou também que, no dia 23 de janeiro de 2021, vai ser realizado um encontro com os membros das comissões de proteção de menores e pessoas vulneráveis das várias dioceses, todas constituídas, com o padre Hans Zollner, da Comissão de Proteção de Menores do Vaticano.

O padre Manuel Barbosa anunciou ainda a publicação no dia 1 de janeiro de 2021 do documento “A situação de pandemia e desafios pastorais para a Igreja”, aprovado na última Assembleia Plenária da Conferência Episcopal Portuguesa.

PR

Partilhar:
Share