Francisco destacou o trabalho em equipa aos atletas que vão ao Campeonato de Atletismo dos Pequenos Estados da Europa

Foto Vatican News

Cidade do Vaticano, 29 mai 2021 (Ecclesia) – O Papa destacou hoje a importância do trabalho de equipa na audiência a uma delegação da ‘Athletica Vaticana’, que vai participar no Campeonato de Atletismo dos Pequenos Estados da Europa, a partir de 5 de junho, em San Marino.

O portal ‘Vatican News’ divulga que Francisco sugeriu à ‘Athletica Vaticana’ viver sempre num estilo de comunidade – treinarem e correr juntos – sem perder de vista a dimensão amadora da atividade desportiva e a pensarem na equipa, no grupo.

O Papa explicou que é significativo e importante que exista uma equipa desportiva no Vaticano porque a Igreja tem interesse em tudo o que é humano e que diz respeito ao homem, e o desporto, o jogo, pode ser visto como um “sacramental da beleza”.

Foto Vatican News

Cada representante da ‘Athletica Vaticana’ recebeu o livro ‘O desporto segundo Papa Francisco  – Carta aberta a um atleta olímpico’, e Francisco recebeu simbolicamente um bastão da corrida de estafetas, de cor branca.

O Papa assinou o “testemunho” que vai será entregue ao Estádio San Marino, aos representantes dos pequenos Estados da Europa.

Os atletas, acompanhados pelo presidente do Conselho Pontifício para a Cultura (Santa Sé), foram recebidos na biblioteca privada do Palácio Apostólico.

A ‘Athletica Vaticana’ vai testemunhar a “cultura da fraternidade” e construir pontes de amizade e diálogo no Campeonato de Atletismo dos Pequenos Estados da Europa, a partir de 5 de junho, na República de San Marino.

“Mesmo que hoje não faltem tensões entre alguns ‘pequenos’ Estados, o desporto pode ser, como sempre desde o seu nascimento como experiência humana, um lugar de encontro e de conhecimento mútuo que faz cair preconceitos e hostilidades”, disse o presidente do Conselho Pontifício para a Cultura.

“E, através do diálogo entre diferentes culturas e religiões, cria amizade entre os homens e os povos até que corram juntos em direção ao objetivo comum que é a paz”, acrescentou o cardeal Gianfranco Ravasi, informa o Vatican News.

A equipa da ‘Athletica Vaticana’ fez a sua primeira prova em setembro de 2017, em Roma, na meia-maratona inter-religiosa ‘Via Pacis’.

CB

Partilhar:
Share