Polónia venceu competição pela sétima vez

Foto: Seleção portuguesa de futsal do clero católico

Praga, 20 Fev 2020 (Ecclesia) – A seleção portuguesa de futsal do clero católico perdeu esta quinta-feira, com os padres da Bósnia, na meia-final do campeonato europeu que decorreu na República Checa, com 19 nações representadas, falhando a revalidação do título.

Os sacerdotes de Portugal, atuais campeões europeus, venceram os jogos com as seleções do Cazaquistão, Itália, República Checa, Kosovo e Bósnia tendo empatado com a Hungria e perderam a meia-final, nos penaltis, com a seleção da Bósnia.

Depois deste resultado, a seleção portuguesa garantiu o terceiro lugar na competição, ao bater a Eslováquia por 1-0; a Polónia sagrou-se campeã europeia pela sétima vez.

A seleção dos sacerdotes católicos portugueses é constituída por 16 padres de várias dioceses, que pretendiam este ano chegar ao sexto título e assim igualar a Polónia, como recordistas do campeonato europeu.

LFS/OC

Partilhar:
Share