Participantes descrevem ambiente de entusiasmo na República Checa

Praga, 19 Fev 2020 (Ecclesia) – A seleção portuguesa de futsal do clero católico vai disputar esta quinta-feira, contra os padres da Bósnia, a meia-final do campeonato europeu que está a decorrer na República Checa, com 19 nações representadas.

Os sacerdotes de Portugal, atuais campeões europeus, venceram até agora os jogos com as seleções do Cazaquistão, Itália, República Checa e Kosovo, tendo empatado com a Hungria.

O padre Ivo Coelho, da Diocese de Vila Real, destaca à Agência ECCLESIA a partida contra a seleção da casa, numa vitória por 1-0 “com as “bancadas cheias e muito apoio, um jogo muito intenso e bom de se jogar”.

O selecionador da equipa, Ricardo Costa, refere que o ambiente é “fantástico dentro da equipa, com muita união e superação” e o padre Diogo Martinho (Diocese de Lamego) que está pela primeira vez num torneio europeu, fala numa “experiência única e espetacular”.

O dia de hoje, quarta-feira, é de descanso, com um passeio cultural pela cidade de Praga.

As quatro equipas presentes nas meias-finais são Portugal, Bósnia, Polónia e Eslováquia.

A seleção dos sacerdotes católicos portugueses é constituída por 16 padres de várias dioceses, que pretendem este ano chegar ao sexto título e assim igualar a Polónia, como recordistas do campeonato europeu.

LFS/OC

Partilhar:
Share