Porto, 24 mai 2019 (Ecclesia) – O bispo do Porto, D. Manuel Linda, alertou para a necessidade de “uma sociedade de encontro” na inauguração dos novos espaços da Livraria Salesiana e da sede das Edições Salesianas, esta quinta-feira.

“Associo-me com muita alegria a esta bênção, não só por representar mais postos de trabalho mas, fundamentalmente, porque o trabalho aqui desenvolvido é aquele que mais edifica que é o trabalho da cultura e o trabalho do pensamento religioso”, disse na Livraria Salesiana.

Na nota enviada hoje à Agência ECCLESIA, pelas Edições Salesianas, o bispo do Porto alertou para a sociedade que se desumaniza: “Corremos o risco de não sermos uma sociedade de encontro”.

O superior provincial dos Salesianos em Portugal sublinhou a ideia da cultura do encontro e contextualizou que esta missão editorial é feita “com a Igreja e como Igreja”, por isso é importante a presença de D. Manuel Linda.

A cerimónia de bênção realizou-se nos dois espaços e para além da presença do padre José Aníbal Mendonça, a inauguração também contou a direção das Edições Salesianas, do delegado provincial para a comunicação social, o padre Rui Alberto, com colaboradores, antigos funcionários, parceiros e fornecedores, entidades locais e clientes.

Na sede das Edições Salesianas foi descerrada uma placa alusiva ao evento e o responsável pela Congregação Salesiana em Portugal recordou como se fundaram as Edições Salesianas, em 1947, pelo padre Humberto Pasquale.

O catálogo das Edições Salesianas centra-se na área da educação, animação de tempos livres e evangelização e as suas publicações, para além do Porto, podem ser encontradas em livrarias na cidade de Lisboa e de Évora.

CB 

(Legenda fotografia da esquerda para a direita: Padre Sebastião Coelho, administrador das Edições Salesianas, Padre Rui Alberto, diretor editorial das Edições Salesianas; D. Manuel Linda; Padre José Aníbal Mendonça, Provincial dos Salesianos; Padre José Cordeiro, Diretor das Edições Salesianas)

Partilhar:
Share