Cardeal Fernando Filoni foi hoje nomeado «enviado esperial» do Papa e vai estar na Madeira entre os dias 13 e 16 de junho

Cidade do Vaticano, 17 mai 2014 (Ecclesia) – O  Papa Francisco nomeou o cardeal Fernando Filoni seu enviado especial para a comemoração dos 500 anos da criação da Diocese do Funchal, anunciou hoje a Sala de Imprensa da Santa Sé.

O prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos vai participar nas celebrações, entre os dias 13 a 16 de junho, na Madeira, para assinalar os cinco séculos da fundação da diocese.

Fernando Filoni foi criado cardeal pelo Papa Emérito Bento XVI, no consistório de 18 de fevereiro de 2012, que o nomeou prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos em fevereiro de 2012, cargo que o Papa Francisco confirmou a 21 de setembro de 2013.

Doutorado em Filosofia e em Direito Canônico, o cardeal Fernando Filoni entrou para o serviço diplomático da Santa Sé em 1981, tendo exercido funções no Sri Lanka, Irão, Brasil e Filipinas, onde acompanhou a situação da Igreja na China.

Nomeado núncio apostólico no Iraque e na Jordânia em janeiro de 2001, manteve-se junto do povo durante a guerra do Iraque, não tendo abandonado o país até março de 2006

As comemorações dos 500 anos da Diocese do Funchal celebram os cinco séculos da sua criação pela Bula “Pro Excellenti”, assinada pelo Papa Leão X a 12 de junho de 1514, transferindo de Tomar toda a jurisdição espiritual para a Ilha da Madeira.

A diocese compreendia não só as ilhas do Arquipélago mas também todos os territórios descobertos ou a descobrir pelos portugueses, estendendo a sua jurisdição por todo o território africano ocidental e oriental, Brasil e Ásia.

diocesedofunchal.pt/PR

Partilhar:
Share