Foto: AE/HM

Sandra Bartolomeu, serva de Nossa Senhora de Fátima, contou ao programa ECCLESIA que a “fila das velas aumenta, mostrando a sede de Deus” e espera que se aprenda a “lição de um novo estilo de vida”. Do tempo de pandemia recorda um santuário vazio onde havia um “silêncio dorido”.

Partilhar:
Share