Porto: Torre dos Clérigos faz homenagem ao autor de «Os Lusíadas»

Porto, 12 jun 2024 (Ecclesia) – A Torre dos Clérigos, no Porto, acolhe, esta quinta-feira (13 junho), uma homenagem ao autor de “Os Lusíadas”, Luiz Vaz de Camões.

A par da inauguração da exposição “Camões e os Clérigos”, com uma “primeira edição da obra maior da literatura portuguesa”, haverá uma palestra com a professora Rita Marnoto e uma caminhada com o historiador Joel Cleto, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

A Irmandade dos Clérigos inaugura, dia 13, a exposição de uma primeira edição de “Os Lusíadas” e dois outros volumes “bastante raros da obra maior do poeta quinhentista”. Em paralelo com esta inauguração alusiva aos 500 anos do nascimento de Luís Vaz de Camões vão decorrer dois eventos de forte cariz histórico.

Para analisar a obra de Camões – onde a invocação do Porto surge em “lá na Cidade donde teve Origem (como é fama) o nome eterno de Portugal” –, a Irmandade dos Clérigos convidou Rita Marnoto, professora catedrática da Universidade de Coimbra.

A especialista em literatura iniciará, pelas 16h00, de 13 de junho, uma palestra que antecederá a inauguração da exposição temporária com mostra da primeira edição dos Lusíadas. Depois, pelas 17h30, terá início uma Caminhada Camoniana conduzida pelo historiador Joel Cleto, partindo da Igreja dos Clérigos em direção ao busto de Camões, que desde 1942 olha “o edifício mais majestoso do Porto a partir do topo da Rua 31 de Janeiro”.

“A programação da Torre dos Clérigos não poderia passar ao lado de um momento tão simbólico quanto os 500 anos do nosso nome maior da Literatura”, diz Manuel Fernando, presidente da Irmandade dos Clérigos, entidade gestora do monumento.

LFS

Partilhar:

Últimas AGENDA

Notícias do dia

Julho 2024
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
plugins premium WordPress
Scroll to Top