Moçambique: Líderes da Igreja Católica dos países lusófonos vão refletir sobre a promoção da paz

Foto Arquivo – XIV Encontro dos Bispos Lusófonos

Lisboa, 31 jan 2023 (Ecclesia) – O XV encontro dos bispos lusófonos vai realizar-se em Nampula, Moçambique, de 01 a 05 de fevereiro, e tem como tema “A Igreja e a construção da Paz”

Nesta iniciativa, organizada pela Fundação Fé e Cooperação (FEC), os nove bispos dos países de língua oficial portuguesa vão refletir sobre “os desafios de cada Igreja local e o seu papel na promoção da paz”, lê-se num comunicado enviado à Agência ECCLESIA.

O encontro tem como objetivos “partilhar a realidade, preocupações e o futuro da Igreja em cada um dos países representados, debater boas práticas pastorais e organizacionais, identificar programas de parceria e cooperação entre as igrejas e ainda analisar a participação da Igreja de cada país na Jornada Mundial da Juventude, que terá lugar em Lisboa, em agosto de 2023”, acrescenta.

“Num momento marcado por conflitos violentos e longos em várias regiões do mundo e pela eclosão de discursos e práticas geradoras de divisões e discórdia, a Igreja coloca-se ao serviço da construção da paz, fundada no respeito pela dignidade de cada pessoa”, refere Jorge Líbano Monteiro, presidente da FEC – Fundação Fé e Cooperação, organismo da Conferência Episcopal Portuguesa responsável pela organização da iniciativa.

De Angola vão estar presentes D. José Manuel Imbamba, Arcebispo de Saurimo e Presidente da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST), e D. Maurício Camuto, Bispo de Caxito.

Cabo Verde vai estar representado pelos Bispos de Santiago, Cardeal Arlindo Furtado, e do Mindelo, D. Ildo Fortes.

A representar Moçambique vai estar D. Inácio Saure, Bispo de Nampula e presidente da Conferência Episcopal de Moçambique, e D. João Nunes, Arcebispo coadjutor de Maputo.

De Portugal estarão presentes D. Virgílio Antunes, Bispo de Coimbra e Jorge Líbano Monteiro, presidente da FEC – Fundação Fé e Cooperação.

Em representação de São Tomé e Príncipe estará D. António Bengui, Bispo Auxiliar de Luanda e Administrador Apostólico de São Tomé e Príncipe.

Os Encontros de Bispos dos Países Lusófonos são organizados a cada dois anos pela FEC – Fundação Fé e Cooperação, desde maio de 1996, e têm como objetivo fortalecer a comunhão eclesial e promover a cooperação em prol das comunidades lusófonas.

LFS

Partilhar:

Últimas AGENDA

Notícias do dia

Setembro 2023
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
Scroll to Top