Fátima, 11 jun 2019 (Ecclesia) – No ano em que se assinala o centenário da morte de São Francisco Marto, o Santuário de Fátima, vai centrar, dos dias 10 a 12 de julho, a 4ª edição dos cursos de verão no santo vidente da Cova Iria.

Esta atividade vai decorrer no Centro Pastoral de Paulo VI (Fátima), e vai aprofundar a “biografia e o contexto histórico deste importante protagonista de Fátima”, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Esta oferta formativa, “que se destina a investigadores, estudantes, professores, formadores, catequistas e outros agentes pastorais que pretendam estudar o fenómeno de Fátima”, propõe-se dar a conhecer o contexto histórico-social em que viveu Francisco Marto; compreender o seu percurso biográfico e religioso; interpretar a figura do vidente nas fontes de Fátima; conhecer as leituras históricas, religiosas e espirituais do santo Pastorinho; identificar e analisar as representações artísticas consigo relacionadas e analisar em abordagens multidisciplinares aspetos específicos do fenómeno de Fátima”, lê-se.

O programa do encontro arranca com a apresentação do contexto histórico entre o ano do nascimento e o ano da morte de Francisco Marto, a cargo de Fernando Rosas, do Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa.

Na tarde do primeiro dia, o lugar da criança na sociedade portuguesa na transição entre o antigo regime e o mundo contemporâneo vai ser o tema analisado por António Gomes Ferreira, da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, após o qual se segue uma visita à Casa das Candeias – Núcleo Museológico da Fundação Francisco e Jacinta Marto.

O bispo de Aveiro, D. António Moiteiro Ramos, inaugura o segundo dia de formação, com a apresentação do tema “A educação religiosa da criança nos inícios do século XX” e depois segue-se José Manuel Sobral, do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, que falará sobre “A Gripe Pneumónica em Portugal”.

Depois do almoço, é oferecido um retrato de Francisco Marto nas fontes de Fátima, primeiro, nas Memórias de Lúcia de Jesus, a cargo de Agripina Vieira, do Centro de Tecnologia Restauro e Valorização das Artes do Instituto Politécnico de Tomar, e, de seguida, na documentação histórica e na cronística de Fátima, por André Melícias, do Departamento de Estudos do Santuário de Fátima (DE).

O segundo dia termina com uma visita à casa de São Francisco e de Santa Jacinta Marto, em Aljustrel.

No último dia do encontro, “Os retratos espirituais de São Francisco Marto” serão trazidos por Pedro Valinho Gomes, do Centro de Investigação em Teologia e Estudos de Religião, da Universidade Católica Portuguesa, seguindo-se uma abordagem aos retratos de Francisco Marto nas representações artísticas, trazida por Marco Daniel Duarte.

Durante a tarde, Sónia Vazão, responsável pelo Serviço de Investigação do Departamento de Estudos do Santuário de Fátima vai falar sobre “O processo de canonização de São Francisco Marto”.

LFS

Partilhar:
Share