Iniciativa decorre durante o mês de maio, com a recitação do Rosário

Foto: Vatican Media

Cidade do Vaticano, 01 mai (Ecclesia) – O Papa Francisco inicia hoje uma “maratona” de oração pelo fim da pandemia, a partir das 18h00 locais (menos uma hora em Lisboa), que vai decorrer ao longo do mês de maio com a recitação do Rosário.

“Por vivo desejo do Santo Padre, o mês de maio será dedicado a uma maratona de oração com o tema ‘A oração a Deus subiu incessantemente de toda a Igreja (At 12,5)’”, refere uma nota enviada à Agência ECCLESIA pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização (Santa Sé)..

A iniciativa vai envolver de maneira especial todos os santuários do mundo, “para que se tornem promotores junto dos fiéis, famílias e comunidades da recitação do Rosário, invocando o fim da pandemia”.

30 santuários de todo o mundo vão guiar a oração mariana, transmitida ao vivo nos canais oficiais da Santa Sé às 18h00 (hora de Roma, menos uma em Lisboa), em todos dos dias de maio.

O Santuário de Fátima vai rezar por ‘todos os presos’, às 17h00 do dia 13 de maio, nesta “maratona” de oração pelo fim da pandemia Covid-19.

O próprio Papa vai inaugurar hoje esta iniciativa de oração, encerrando-a também, no último dia do mês que, na tradição católica, é particularmente dedicado à oração mariana.

OC

Partilhar:
Share