Iniciativa da Igreja Evangélica Luterana da Finlândia

Lisboa, 20 set 2019 (Ecclesia) – A Igreja Evangélica Luterana da Finlândia está a promover um concurso para encontrar um “emoji” que manifeste a expressão “eu perdoo-te”, com a campanha ‘Forgivemoji’, procurando que o desenho vencedor seja incluído na coleção oficial Unicode.

”Na nossa cultura moderna de comunicação digital, os emojis são uma forma essencial de expressar sentimentos humanos para além das palavras. Ficamos surpreendidos ao perceber que a seleção oficial de emojis tem dezenas de gatos diferentes e até dois desenhos de zombis, mas não existe um para perdão”, disse o diretor de comunicações da Igreja Evangélica Luterana da Finlândia (ELCF), Tuomo Pesonen.

Na informação enviada hoje à Agência ECCLESIA, os organizadores adiantam que “existem 3019 emojis oficiais, mas “nenhum” diz “eu perdoo-te”, por isso, a campanha #forgivemoji procura um para signifique esta expressão.

“Perdoar aumenta a paz” e “não há melhor momento” para darem destaque a este tema que pelo Dia Internacional da Paz, que vai ser comemorado este sábado, dia 21 de setembro – data estabelecida pela ONU em 1981.

A ideia para a campanha ‘Forgivemoji’ é da Igreja Evangélica Luterana da Finlândia que está a viver o ano temático “#rauha”, que “destaca a paz como foco nacional” no país nórdico.

“Esta campanha também se esforça para promover uma mensagem de paz e entendimento mútuo em todo o mundo”, acrescentou Tuomo Pesonen.

A ELCF fez parcerias com várias organizações de caridade e dedicadas à edificação da paz, como a sua agência para o trabalho internacional, a Felm, a Finn Church Aid, a Helsinki Deaconess Institute, o Movimento Nacional de Reconciliação e a Crisis Management Initiative – CMI, organização de solução de conflitos fundada pelo ex-presidente da Finlândia (1994-2000) e vencedor do Prémio Nobel da Paz em 2008, Martti Ahtisaari.

No site da campanha, em www.forgivemoji.com, os visitantes podem votar numa seleção de designs de emojis e/ou enviar seus próprios desenhos.

O objetivo final da ‘#Forgivemoji’ é acrescentar o desenho vencedor à lista de emojis e, no próximo mês de novembro, a equipa desta campanha de ideias escolher o desenho a enviar ao Consórcio Unicode, responsável pela lista de emojis, que os distribui para os serviços e fabricantes de dispositivos, e que para este ano já anunciou que vai propor a 59 novos para seleção.

CB/OC

Partilhar:
Share