«Portugal tem muito bons exemplos de empreendedorismo social»- Manuel Theotónio

Lisboa, 03 mar 2020 (Ecclesia) – Manuel Theotónio, o mais jovem participante do grupo português que prepara a presença no encontro sobre a “Economia de Francisco”, considera que o país tem “muito bons exemplos” e que a concretização do apelo de mudança do Papa já é real “nalgumas empresas”.

“Portugal tem muito bons exemplos de empreendedorismo social, tivemos uma das primeiras escolas de empreendedorismo social na Europa, temos muito para dar e com projetos válidos”, referiu em entrevista transmitida hoje no Programa ECCLESIA (RTP 2).

O jovem licenciado em Gestão, com interesse na área social, entende que “o Papa lançou o apelo de uma Economia mais justa e quer que estes profissionais da área da Economia e Gestão pensem mais isto”.

“Esta proposta já está a acontecer nalgumas empresas, muitos exemplos que conhecemos neste curso de preparação da Economia de Francisco”, refere ainda.

Manuel Theotónio sente-se chamado a “esta preocupação mais social na Economia”, indicando que o empreendedorismo social foi uma área de que gostou muito na Universidade; atualmente trabalha na ‘Just a Change’, “empresa dedicada a resolver o problema da “pobreza habitacional”.

O entrevistado faz parte da delegação portuguesa, de 50 pessoas, que irá participar no encontro ‘A economia de Francisco’, com outros jovens economistas, empresários e empresárias de todo o mundo, e que foi convocado pelo Papa Francisco em 2019.

A organização do evento “Economia de Francisco”, convocado pelo Papa para a cidade italiana de Assis, anunciou que o encontro internacional vai ser adiado para 21 de novembro.

A iniciativa deveria decorrer nos dias 26 a 28 de março, mas o impacto da epidemia do COVID-19, a nova estirpe do coronavírus, tornou impossível a reunião de mais de dois mil jovens com menos de 35 anos, provenientes de 115 países, incluindo Portugal.

PR/SN

Partilhar:
Share