D. Manuel Clemente envia saudação às comunidades católicas de Lisboa

Lisboa, 27 mai 2020 (Ecclesia) – O cardeal-patriarca enviou hoje uma saudação às comunidades católicas de Lisboa, a respeito do regresso das celebrações comunitárias da Missa, a partir de sábado, pedindo uma reabertura “gradual e cautelosa”.

A mensagem, em vídeo, encerrou o programa ‘3 DICAS’ do jornal diocesano ‘Voz da Verdade’, dedicado à preparação das paróquias para voltar a acolher assembleias, após mais de dois meses de suspensão de cerimónias com fiéis, para travar a propagação do novo coronavírus.

D. Manuel Clemente sublinhou que, durante os meses de confinamento, as famílias “desenvolveram a dimensão doméstica da vida da Igreja, com muitas realizações bonitas”, de oração e convívio, na casa de cada um, seguindo também as celebrações através dos media.

O presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) assinalou que “tudo isto continuará como complemento das celebrações habituais com o povo”, que se devem fazer “a pouco e pouco, muito cuidadosamente”.

O responsável convidou as comunidades católicas a respeitar as normas da CEP, a respeito das celebrações comunitárias, e as indicações das autoridades de saúde.

“Temos muita vontade de nos encontrarmos, mas sabemos que temos ainda por diante um vírus muito astucioso, que aproveitará qualquer descuido da nossa parte”, advertiu.

O cardeal-patriarca pede que este regresso decorra “paulatinamente, cuidadosamente, mas com muito gosto e com muito entusiasmo”, em todos os locais que possam cumprir as determinações relativas à limitação da lotação, higiene e distanciamento.

A intervenção elogia ainda os esforços desenvolvidos para criar um “serviço do acolhimento”.

“Desejo que tudo isto corra muito bem, tenho muito gosto em vos rever sempre”, concluiu D. Manuel Clemente.

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) publicou a 8 de maio uma série orientações para a celebração do culto público católico no contexto da pandemia de Covid-19, com normas para higienizar os espaços e as pessoas e celebrar os vários sacramentos.

O cardeal-patriarca vai presidir, no próximo domingo, à Missa na Solenidade de Pentecostes, na Sé de Lisboa.

OC

Partilhar:
Share