Bispo diocesano divulgou as nomeações para o ano 2022-2023

Coimbra, 01 ago 2022 (Ecclesia) – O bispo de Coimbra divulgou hoje as nomeações para o ano 2022-2023 com o objetivo de “consolidar o caminho das Unidades Pastorais” que vão exigir “uma nova atitude pastoral e eclesial”.

“As nomeações que agora se anunciam vão no sentido de consolidar o caminho das Unidades Pastorais já existentes ou em processo de formação. Continuaremos a orar e a refletir acerca deste tema, nos órgãos de participação e comunhão diocesanos e locais ao longo do próximo ano pastoral”, afirma D. Virgílio Antunes no decreto de nomeações para o ano 2022-2023.

O bispo de Coimbra quer elaborar “um projeto de Unidades Pastorais”, que vão exigir “uma nova atitude pastoral e eclesial dos presbíteros, dos diáconos, dos consagrados e dos leigos, ou seja, de todo o Povo de Deus. Queremos ainda que os jovens assumam com amor o lugar que lhes cabe na vida da Igreja”.

De acordo com o texto, a Diocese de Coimbra está em fase de “definição das novas configurações das Unidades Pastorais, tanto do ponto de vista geográfico, como social e no que se refere à distribuição do clero e envolvimento dos leigos”.

“Queremos servir melhor a causa da evangelização e da edificação da comunidade cristã numa perspetiva verdadeiramente sinodal, ou seja, queremos fazer caminhos de fé, de esperança e caridade todos juntos e tendo em conta as circunstâncias em que a Igreja peregrina no tempo em que vivemos”, afirma.

O Ano Pastoral 2022-2023 corresponde ao segundo ano de execução do seu Plano Pastoral, intitulado: “Jovem, levanta-te! Cristo Vive”, e é de “preparação imediata e de vivência da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023”.

“Convido toda a Igreja Diocesana a desenvolver com alegria e esperança este Plano e a centrar-se no grande evento que, esperamos, há de dar um novo impulso de fé e de vida às nossas comunidades cristãs, especialmente aos mais jovens”, afirma D. Virgílio Antunes na publicação da nomeação de novos párocos e colaboradores paroquiais.

PR

Partilhar:
Share