A torre, a Igreja e o museu dos Clérigos, são um triplo convite a descobrir na cidade do Porto. Inaugurada há 269 anos, pode dizer-se hoje que este ícone da cidade apresenta muito mais do que a subida à torre e a vista de 360º sobre a cidade. Um investimento feito desde 2013 permitiu redescobrir o espaço, tratar de um espólio com cerca de 1800 peças e apresentá-lo ao público numa proposta concertada cheia de história a descobrir. Patrícia Moscoso, da Irmandade dos Clérigos, apresenta-nos este projeto e exemplo de boas práticas de património resgatado.

Partilhar:
Share