D. João Marcos desafia comunidades a «dar espaço a Deus»

Beja, 21 set 2021 (Ecclesia) – A Diocese de Beja vai ter a caridade no centro da sua ação pastoral no ano 2021/2022 e o bispo diocesano quer esta Igreja local a “responder com a vida” aos desafios da sua fé.

Numa nota enviada à Agência ECCLESIA, a Diocese de Beja informa que a caridade vai definir os seus próximos três anos pastorais, convidando “a conhecer, a viver e a praticar”.

“O grande objetivo destes programas é, antes de mais, motivar-nos a dar espaço a Deus nas nossas vidas, nas nossas famílias, nas nossas paróquias, na nossa diocese”, afirma o bispo de Beja, D. João Marcos.

O Plano Pastoral da diocese alentejana tem como tema ‘Entendeis o que vos fiz?’, uma frase do Evangelho de São João, que enquadra a ação pastoral diocesana dos próximos três anos.

“Entender, compreender significa também amar e guardar no coração aquilo que o Senhor realizou, para o podermos imitar”, explica D. João Marcos na carta que escreveu à diocese.

O bispo de Beja define caridade, uma “virtude teologal”, como “ponto de chegada do percurso da fé e da esperança” e afirma que só é possível entre aqueles que adotam atitudes de “humildade, misericórdia ou paciência”.

D. João Marcos explica que não se deve confundir caridade com solidariedade ou justiça social e indica que solidariedade “começa e termina no ser humano”, “é uma virtude que não precisa da religião” e que “veste muito bem”, socialmente, quem a pratica.

O triénio começa com a Diocese de Beja a ‘Compreender e Redescobrir o sentido cristão da caridade, segundo o mandamento de Jesus’, no ano pastoral 2021/2022.

No programa deste ano destaca-se também o objetivo de envolver a “Igreja diocesana e a sociedade” no caminho de preparação e vivência da Jornada Mundial da Juventude, que se vai realizar em Lisboa, no verão de 2023.

A identidade cristã da caridade nas Instituições Eclesiais vai marcar o ano pastoral 2023/2024, desafiando os católicos a ser “rosto de uma Igreja ativa na reabilitação e apoio dos mais frágeis”.

O plano pastoral de Beja foi apresentado na assembleia do Dia Diocesano, a 18 de setembro, no centro pastoral.

CB/OC

 

Partilhar:
Share