Foto: DR

Passaram 47 anos sobre essa madrugada do «dia inicial inteiro e limpo», como imortalizou também a poeta Sophia de Mello Breyner Andresen, sobre esse dia, que em tempo pascal, levou os portugueses a emergir da noite e do silêncio, para habitar a substância do tempo. Assim ainda hoje se sonha o 25 de abril, a partir das palavras de quem o sonhou em 1974.
O programa da Igreja católica vai hoje em busca de quem protagonizou a história e de quem tem nas suas mãos o projeto de construir diariamente o futuro, o Portugal de hoje e de amanhã.
Jorge Wemans, jornalista, que em 1974 tinha cerca de 22 anos, foi um jovem católico que procurou viver e propor o Evangelho, e por isso, lutar contra a ditadura e o regime do estado novo. Simão Lucas Pires não era nascido há 47 anos – herdeiro da luta pela liberdade, conversa esta manhã com o programa Ecclesia para que possamos fazer, com um homem de 30 anos, o caminho de futuro que o 25 de abril permite.

Partilhar:
Share