Há encontros que mudam vidas e no caso de Francisco Piedade Vaz, comandante da Marinha de guerra, foram duas pessoas ligadas à Faculdade de Teologia, da UCP, que o foram acicatando para nunca se contentar com o atual conhecimento. Militar reformado destaca que a liderança é das componentes mais fortes na sua formação na Academia. A formação teológica, reconhece, deu-lhe profundidade à prática cristã com que cresceu.

Partilhar:
Share