A sustentabilidade ecológica chama por nós. Imagens de oceanos cheios de plástico, de secas extremas que votam à pobreza populações sem capacidade de cultivo e de sobrevivência com água potável, tempestades que assolam, em especial, os países mais pobres e à falta persistente de recursos são ainda os últimos decisores nos processos económicos… Em que mundo queremos viver e que casa estamos a construir?
Há já quem não cale o apelo da terra e em gestos quotidianos ou em profundas opções por um estilo de vida sustentável, ouse contagiar outros ou apenas partilhar um testemunho de que a mudança é possível.
É isso que nesta manhã lhe trazemos: Patrícia Pedrosa e o marido mostram como o consumo de produtos biológicos pode ser uma opção política; Alfredo Sendim dá conta do projeto de cultivo da terra assente num projeto de agroecologia; Abdulino Carvalho mostra como a opção simples de trocar a deslocação diária num carro ou em transportes públicos, por uma bicicleta é investimento pessoal mas também um gesto de saúde pública.

Partilhar:
Share