Foto: Diocese de Viana do Castelo

Viana do Castelo, 27 Mai 2020 (ECCLESIA) – O colégio de arciprestes da Diocese de Viana do Castelo esteve reunido com D. Anacleto Oliveira para preparar o regresso das celebrações litúrgicas comunitárias que acontece a 30 deste mês.

Na reunião foi reafirmada “a importância de observar as normas da Conferência Episcopal Portuguesa”, bem como “as determinações das autoridades sanitárias”, contudo, foi também referido que “cabe a cada sacerdote (juntamente com os fiéis leigos) adaptar e concretizar essas mesmas normas, tendo presente a especificidade de cada realidade”, lê-se no jornal «Notícias de Viana».

O Bispo de Viana do Castelo convidou os padres a “valorizar aquilo que este tempo pode ter de positivo, sem cair no desânimo ou no pessimismo” e as privações deste tempo são exigências que brotam “da fé e um ato de respeito pela vida e pela vida dos outros”.

A propósito das festas e romarias, que abundam no Alto Minho nos meses de Verão, o D. Anacleto Oliveira sublinhou que se deve ter presente o que dizem as normas da Conferência Episcopal, “bem como as determinações das autoridades civis sobre o assunto”, isto significa que, “até final de setembro, estas ficarão reduzidas à sua dimensão mais importante: a celebração da Eucaristia”, realçou.

Devido às limitações proporcionadas pela pandemia, o bispo diocesano convidou os padres a valorizarem “as celebrações campais” e “cabe a cada sacerdote, juntamente com os responsáveis das comissões de festas, avaliar, em cada caso, se é possível e em que moldes fazer a celebração da Eucaristia”.

Os horários das Eucaristias dominicais de toda a diocese estão publicadas no jornal «Notícias de Viana», (edição em papel e online noticiasdeviana.pt/missasdiocese/).

LFS

Partilhar:
Share