Foto Lusa/VATICAN MEDIA

Cidade do Vaticano, 13 Mai 2020 (ECCLESIA) – O Papa Francisco celebra, dia 18 deste mês, data do centenário do nascimento de São João Paulo II, no túmulo do Papa polaco e conclui as transmissões da liturgia diária da residência papal.

A celebração da Missa na próxima segunda-feira, às 07h00 (hora de Roma), vai ser a “última de uma série que acompanhou milhões de pessoas em todo o mundo, todos os dias, durante mais de dois meses”, lê-se no site VaticanNews.

Por ocasião do reinício das missas com os fiéis em Itália, o Papa Francisco decidiu “interromper a transmissão ao vivo da missa da manhã”, refere.

A ocasião “será especial”, pois no dia 18 de maio vai ser celebrado o centenário do nascimento de Karol Wojtyla, e por isso o Papa argentino Francisco celebra no altar do túmulo de São João Paulo II seu predecessor, nascido em 1920, eleito Bispo de Roma em 1978, falecido em 2005 e canonizado em 2014.

A transmissão ao vivo, via rádio e streaming da celebração da Missa da manhã na Capela de Santa Marta e a decisão de celebrá-la diariamente durante este período de quarentena foram “um dom inesperado e belíssimo”.

“Vários milhões de pessoas entraram em contato com estas missas todos os dias”, mas com o “reinício das celebrações com o povo nas igrejas italianas, começa uma nova fase”.

LFS

Partilhar:
Share