Padre Filipe Diniz explica que vão também desenvolver «processos de sinodalidade»

Coimbra, 22 fev 2019 (Ecclesia) – O Departamento Nacional da Pastoral Juvenil (DNPJ) promove um Encontro de Jovens para acolher o documento final do Sínodo dos Bispos 2018 dedicado à juventude, fé e discernimento vocacional, este sábado, 23 de fevereiro, no Seminário de Leiria.

À Agência ECCLESIA, o diretor do DNPJ explicou hoje que pretendem “promover a receção/acolhimento” da 15.ª Assembleia Geral Ordinária do sínodo, nomeadamente o documento final e fazer uma leitura dos seus conteúdos.

Segundo o padre Filipe Diniz vão dinamizar trabalhos de grupo para “refletir cada parte deste documento” e procurar desenvolver em Portugal “processos de sinodalidade”, para despertar a nível diocesano e paroquial, um sentido comum de caminhar juntos.

Para este encontro foram convocados os responsáveis – padres, religiosas, leigos – de secretariados, movimentos e congregações com ação na Pastoral Juvenil e dois jovens, dos 18 anos aos 29 anos, que pertencem a essas equipas com “experiência e comprometimento na Pastoral Juvenil”.

“Queremos que estes jovens, juntamente com os seus responsáveis, possam aplicar e refletir este documento nas suas dioceses, movimentos e congregações”, realçou o sacerdote da Diocese de Coimbra.

O presidente da Comissão Episcopal do Laicado e Família, onde se insere o Departamento Nacional da Pastoral Juvenil, D. Joaquim Mendes vai apresentar uma reflexão sobre o documento final da assembleia teve como tema ‘Os Jovens, a Fé e o discernimento vocacional’, em outubro de 2018, onde também participou como delegado da Conferência Episcopal Portuguesa.

Do programa deste sábado, no Seminário de Leiria, para além da apresentação do documento sinodal, o padre Filipe Diniz destaca “de mais relevante” a “proximidade e a reflexão/ação” acerca da pastoral juvenil dos diversos secretariados diocesanos, movimentos e congregações que acompanham os jovens em Portugal.

O diretor do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil, da Igreja Católica em Portugal, informa que têm mais de 70 participantes oriundos de dioceses e movimentos e congregações.

CB

Partilhar:
Share