Braga, 22 Dez 2020 (Ecclesia) – O Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, foi homenageado hoje, no encontro de Natal do Clero, com a obra que narra a sua vida da infância até à atualidade, «D. Jorge Ortiga, Artesão da Unidade».

Um presente de Natal “antecipado” que deixou o Arcebispo de Braga surpreendido com o livro de homenagem, lê-se no site da Arquidiocese de Braga.

“Para ser do agrado do Senhor D. Jorge, o livro, narrando a sua vida, deverá conceber-se sobretudo à base de fotografias, de leitura muito leve, com pouco texto, ainda que focando o essencial. E a pessoa que o deverá escrever está aqui à minha frente – dizia- me, em ambiente de refeição, o Senhor D. Nuno Almeida”, pode ler-se na introdução assinada pelo cónego José Abreu, a quem coube a tarefa de organizar esta compilação de memórias fotográficas.

Ao longo de 265 páginas é possível ver os principais momentos que marcaram a vida de D. Jorge Ortiga, como são exemplo o período em que foi Reitor da Basílica dos Congregados ou o 40ª Sínodo Arquidiocesano de Braga, bem como várias obras de que foi artesão, intimamente ligadas à Pastoral Social, a sua grande marca.

O Arcebispo de Braga deixou “marcas fortes” na Pastoral Social e na Pastoral da Cultura, “algumas verdadeiramente originais, colocaram Braga na melhor agenda cultural do país”, sublinha.

O cónego José Abreu explicou que foi dado um tom “propositadamente alegre à obra, dado que não deve ser encarada como uma despedida”.

O livro está à venda na Livraria Diário do Minho por 27€.

LFS

Partilhar:
Share