Idanha, 29 nov 2019 (Ecclesia) – A exposição «Presépios de Barcelos» vai ser inaugurada, este sábado (30 de novembro), no Fórum Cultural de Idanha-a-Nova, e é constituída por dezenas de peças dos “mais conceituados ceramistas portugueses”.

Os presépios expostos no Forum Cultural, no figurado de Barcelos, eram pertença do colecionador Rui Sequeira, natural de Portalegre, hoje na posse da Diocese de Portalegre-Castelo-Branco, realça uma nota enviada à Agência ECCLESIA.

Até 16 de fevereiro de 2020, em Idanha-a-Nova (Diocese de Portalegre – Castelo Branco) vai estar “a valiosa exposição” de alguns artistas de Barcelos: Ana Baraça, Carlos Baraça, Fernando Baraça, Júlia Côta, Júlia Ramalho, Maria Helena da Cruz, Mistério, Mistério filho, Mistério neto e Rosalina Baraça.

Rui Sequeira foi um dos “mais qualificados presepistas portugueses e a nível internacional” e doou à Diocese de Portalegre-Castelo Branco, não só este espólio ali apresentado, mas também “um apreciável e diversificado conjunto de outras representações presepiais de artistas de Estremoz, Vila Nova de Gaia, Coimbra, Caldas da Rainha e Mafra”.

Inclui a mesma coleção também presépios de quase todos os países do Mundo.

A inauguração está prevista para as 19h00 naquele espaço na zona histórica da Vila, numa organização da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e da Comissão de Gestão do Património Religioso da Diocese de Portalegre-Castelo Branco.

LFS

Partilhar:
Share