Guarda, 26 abr 2019 (Ecclesia) – Os Arciprestados de Seia e Gouveia, na Diocese da Guarda, vão dedicar o Ciclo de Conferências de Primavera 2019 ao Ano Missionário, a partir de hoje e até 30 de maio, em cinco suas igrejas paroquiais.

A Diocese da Guarda informa que a iniciativa das paróquias de São Martinho, Santa Marinha, Paços da Serra, Moimenta da Serra e Mangualde da Serra faz parte da sua oferta formativa e este ano vão refletir sobre como “Deus convida todos e em tudo à missão”.

A quinta edição do Ciclo de Conferências de Primavera começa esta sexta-feira, às 21h30, com uma conferência do bispo diocesano, D. Manuel Felício, que vai falar sobre a nota ‘Todos, Tudo e Sempre em Missão’, da Conferência Episcopal Portuguesa para o Ano Missionário e o Mês Missionário Extraordinário, em Santa Marinha.

O pároco de Nossa Senhora da Hora, em Matosinhos – Diocese do Porto, o padre Amaro Gonçalo, vai apresentar o tema ‘Paróquias missionárias! Como?’, a 2 de maio, na paróquia de São Martinho.

O terceiro orador convidado é o diretor do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil, o padre Filipe Diniz, com o tema ‘Os discípulos de Emaús e a missão da Igreja junto dos Jovens’, a 17 de maio, na Paróquia de Paços da Serra.

As duas últimas Conferências de Primavera dos Arciprestados de Seia e Gouveia vão refletir sobre ‘A missão das redes sociais à comunidade humana’ e ‘A vocação e missão da Igreja no mundo da saúde’, respetivamente com o padre Francisco Barbeira, diretor do jornal ‘A Guarda’, a 24 de maio, em Mangualde da Serra, e a médica Ana Castro, religiosa da Aliança de Santa Maria, dia 30 de maio, em Moimenta da Serra.

A Conferência Episcopal Portuguesa está a promover um Ano Missionário especial em todas as dioceses católicas do país, até outubro deste ano, respondendo a uma iniciativa do Papa Francisco.

“Acolhendo com alegria a proposta do Papa Francisco de um Mês Missionário Extraordinário para toda a Igreja, nós, Bispos portugueses, propomo-nos ir mais longe e celebraremos esse mês como etapa final de um Ano Missionário em todas as nossas Dioceses, de outubro de 2018 a outubro de 2019”, informou a CEP.

CB

Partilhar:
Share